Maratona nostalgia: Especial John Hughes - Planes, trains & automobiles


Sabe quando a única coisa que você quer é chegar em casa, só que o mundo parece estar contra você? Pois, Neal (Steve Martin) só quer chegar a tempo de comemorar o dia de Ação de Graças com sua família, só que nem tudo é tão simples quando todo mundo também quer a mesma coisa.


Nesse filme, dirigido e escrito e produzido e tudo mais pelo John Hughes, ele conta a história de Neal, um homem de negócios que está indo para casa curtir o feriado, e Del, um vendedor de argolas para cortinas de banheiro bem inconveniente e que parece sempre estar no caminho do Neal.

Fazendo jus ao nome em inglês (Planes, trains & automobiles), Neal e Del usam todos os tipos de meios de transporte possível, acho que só faltou um barco. E durante essa trajetória não podia deixar de rolar um monte de confusão. Sei lá, acho que John Hughes tem uma queda por destruir carros e afins. 

Apesar de em português o nome também se encaixar muito bem (Antes só do que mal-acompanhado), não acho que Del mereça esse título de má-companhia. E ao longo do filme você poderá mudar sua opinião sobre ele, pelo menos eu mudei. Afinal, as vezes só precisamos "seguir o fluxo".


Bem, não espere nenhum filme profundo sobre adversidades da vida e pessoas de características diferentes tentando lidar com as situações. Mais uma vez, estamos falando de um filme de comédia do Jonh Hughes. Talvez você tire alguma lição dessa história louca, talvez não. Eu aprendi que depois que chegamos em casa e finalmente podemos respirar e pensar naquele dia de cão sempre podemos encontrar alguma lembrança para rir.

Comentários