De noob pra noob: WoW - Introdução

Todo mundo tem um lado obscuro ou pelo menos que poucas pessoas sabem que ele existe. Seja alguma prática ou atividade pouco aceita convencionalmente na sociedade ou talvez algo fora da rotulação estereotipada que te deram sem ao menos te conhecerem realmente. Bem, isso não tem nada de vergonhoso ou obscuro, mas muitas pessoas se espantam quando eu falo que jogo WoW. Tal espanto talvez seja decorrente do fato de eu não sair gritando aos sete mares que jogo, isso porque sou tão casual quanto noob nessa bagaça, mesmo jogando, entre idas e vindas, há dois anos. Então, como cada vez mais eu aprendo na minha vida que conhecimento gera conhecimento e quando o compartilhamos além dele se espalhar, ele também é reforçado dentro de você...



Venho por meio desse post com qualquer despretensão que sai algo bom ou até certo - provavelmente eu irei pedir para o meu consultor de games, o Sr. Black Bogard, para dar uma olhada - tentar aprender e apresentar esse universo para pessoas mais noobs e tão casuais quanto eu.  

O Black já me explicou centenas de vezes (sem exagero) toda a história e o desenrolar desse jogo, além da mecânica e tudo mais. E acho que a única coisa que eu sei é que sou uma elfa da Horda, que vim de um lugar muito fofolético que todo mundo odeia (Lua Prata) e estou no nível 60 e ainda não sei usar meus "feitiçozinhos" direito (Aquela parada que tu aperta para matar ozinimigo - Black me dando um soco em 3...2..1). Bem, o objetivo desse (e outros posts, provavelmente) será justamente uma tentativa de reforço e materialização do conhecimento que tentarei adquirir (que na realidade eu já tenho, devido as diversas palestras via skype do meu consultor, mas ele está perdido no limbo da minha mente como 90% das coisas que eu aprendo ou me contam).

Blood Elf com sua galinha gigante (montaria)
Eu não sei vocês, mas eu não tenho boa memória ou mesmo facilidade em absorver novos conhecimentos, e o que me ajuda um pouco nisso (não é uma técnica infalível) é escrever o que estou aprendendo. Então, esse é mais um motivo desse post. Mesmo que ninguém leia (já que tá virando um texto monstruoso, só com a minha justificação do mesmo), ele servirá para mim de diversas maneiras. 

O blog que irei usar como fonte para escrever os posts (realmente terei que fazer mais de um) será o WoW Girl. Além de ser super bem recomendado pelo meu consultor, lembro que na época em que conheci o blog/site fiquei muito feliz de saber que as meninas conquistaram o seu lugar ao sol nesse universo ainda predominantemente masculino. Nesse site você encontra absolutamente TUDO, inclusive um manual para iniciantes. 

Para quem é totalmente leigo sobre esse jogo, World of Warcraft é um jogo on-line de MMORPG ("Massively Multiplayer Online Role Playing Game - parada grande né? Está vendo como essa parada é complexa e difícil?). Segundo o wikipédia e uma vaga lembrança de alguma explicação do Black sobre as categorias de games, esse palavrão se refere aos jogos que permite milhares de jogadores criarem e interpretarem personagens em um mundo virtual dinâmico na internet. E quando se fala em milhares, no caso do WoW são mais de 6 milhões de jogadores, é tipo, a população do Paraguai inteiro ou de Santa Catarina.


Para fazer uma pequena introdução (vou deixar para desenvolver melhor o meu conhecimento em outra postagem), retiro o primeiro trecho do guia para iniciantes do WoW Girl: 
"(...) O “WoW” é baseado no premiado universo de Warcraft e nele, os jogadores assumem os papéis de heróis buscando aventuras e explorando um vasto mundo. Jogadores se aventuram juntos ou lutam uns contra os outros em batalhas épicas. Jogadores criam amizades, formam alianças, e competem com inimigos em busca de poder e glória." (fonte)
O jogo tem uma história bem complexa, além da própria mecânica permitir uma infinidade de ações, acredito que por isso ele é tão prestigiado e merece mais atenção minha e um espacinho no blog.

Antes de eu me despedir desse post, deixando uma brecha para que possam vir outros, eu resolvi falar do WoW agora, porque além dos motivos acima apresentados sobre saber mais do jogo, no dia 13 de novembro (ou algo assim) será lançada uma nova expansão do jogo (digamos que é mais um capítulo da história) e comecei a sentir aquela vontadezinha de voltar a jogar. Então, lá vamos nós com o:


Comentários

  1. Tá aí, gostei! Mas não jogo há anos. Você podia ensinar a começar essa parada. Sites etc... acho que quero embarcar nesse mundo!

    ResponderExcluir

Postar um comentário