Como era blogar dez anos atrás?

Não é de ontem que eu "blogo", não que isso signifique alguma superioridade minha, longe disso. Afinal, tem blogueiras de meses que fazem bem mais sucesso que o Psicose. Não que isso me preocupe também. Acredito que isso é questão de engajamento mais ferramentas certas para conquistar uma boa audiência.



Não vim falar disso, na realidade, vim falar um pouco de como era blogar para mim quase dez anos atrás. No sobre mim, debaixo da minha foto do perfil aqui do blog, você encontra uma breve história da minha vida de blogueira. 


Bem, eu comecei a blogar por volta de 2004/2005, não me lembro ao certo. Sei que foi logo depois que me mudei para o Rio. Nessa época uma das plataformas que bombavam, que hoje quase não ouço falar, era uma fornecida pelo site da Uol. 


Eles tinham uma seleção de templates muito fofos, algumas até com animações. E acredite, isso era tipo um absurdo de maneiro na época. Eles forneciam uns avatares também super legaizinhos para compor o seu perfil. Tudo isso deixava o blog super charmoso, mas sempre tinha um jeito de você enfeitar mais!

Esse é um exemplo de template disponibilizado pelo Uol na época. Está vendo o avatar ali no perfil? hehe
Não sei como está hoje em dia a questão de compartilhamento de material para blog, na época tínhamos desde templates até plaquinhas. Oh GOD! Plaquinhas e gifs eram o que tinham de HIPER MANEIRO! Quanto mais brilhante e cheio de movimentos o seu blog era, mas cool seria. Poluição visual era apenas uma questão de opinião. Sendo assim, existiam vários blogs que disponibilizavam todo esse tipo de material de graça. Na realidade, era uma forma de divulgação do blog que produzia, já que sempre vinha marcado em algum lugar quem tinha feito aquele material. Exemplo de blog maneiro: Diário de Gifs

Os templates personalizados eram muito massa, para época, claro. Mas uma vez, hoje em dia você acharia o visual poluído e ao mesmo tempo simplista, com cara de armador, mas a gente não ligava, era o máximo. Todo blogueiro adorava colocar umas montagens do seu filme, livro, famoso, etc favorito como tema. Existiam sites que disponibilizavam o que você pudesse imaginar como tema, principalmente o que estava bombando no entretenimento na época.

"Olha lá quem vem virando a esquina, vem Diego..." (clique na foto e conheça o blog)
Outra coisa muito legal que sinto falta era o lugar de encontro dos blogueiros, nosso falecido: MSN. Era no msn que todo mundo se encontrava e se adicionava. Conheci muitos blogueiros assim, muitos blogueiros que viraram amigos e alguns deixaram de ser blogueiros. Inclusive, acho que comecei a conversar com a Camila Monteiro pelo msn, mas eu já estava no Blogger.

Saudades dos barulhos e até dessa tela que treme!
Selinhos também era uma parada que blogueiro adorava. Por sinal, a maioria dos prêmios e sorteios envolviam isso, apenas uma imagem digital. Você participaria? Tinham vários concursos de "blog mais bonito".


As pessoas escreviam sobre o que gostavam, sobre suas vidas, criavam blogs temáticos para falar especificamente sobre um cantor ou ator. Os comentários e parcerias eram em sua maioria sinceros e duradouros. Trocávamos mais do que likes, a vida de blogueiro era uma troca de experiências muito valiosa.

Outro exemplo de blog. Ele tem um layout mais recente e moderno, 2012 (clique na imagem para conhecer o blog)

Acho que poderia ficar uma vida aqui relembrando os bons tempos. Não estou falando que muitas das práticas não foram mantidas e que as novidades são ruins, longe disso. São apenas momentos diferentes e sempre é bom relembrar.

Obs: Os blogs e materiais que peguei são aleatórios que encontrei no Google. Já que não lembro de nenhum que acessava na época e nem sei se existem ainda. 

Comentários

  1. Ei, Dani.
    Tive blogs durante aaanos. Que memória boa que você trouxe. Eu amei muito esse mundo, e era, de fato, as três coisas que mais curtia fazer: html, visual e escrever. Lembro que passava madrugadas e madrugadas fazendo html, acertando aquilo que tava dando errado, colocando efeitos... tudo que com o html5 seria uma moleza!
    Continue com essa formidável prática de blogar. Espero voltar!

    ResponderExcluir
  2. Ah, no comentário sou eu, Bárbara Machado :b

    obs: você conhece o wayback machine? é um site que traz parte da memória do site.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bárbara,

      que bom que você veio me visitar. Se você não tivesse falado nunca ia adivinha que era tu hahah Bem, nossa eu queria falar mais coisa no post, como foi mágico aprender fazer gifs e como realmente o trabalho era bem mais duro no que diz respeito ao uso do html. Você tinha que se virar e talvez por isso, eu acho, que a comunidade blogueira era tão solidária. Nossa, e os tutoriais? Nunca que em 2000 e poucos você ia encontrar um tutorial no youtube. Tudo na base do Print Screen ou fotinhos (só que tinha câmera digital) haha Bons tempos!

      Volta sim!!! Beijos

      Excluir
  3. É felizmente as coisas mudam e o importante é se adaptar, pra não ficarmos esquecidos no passado.
    O importante de relembrar as coisas é ver onde ainda podemos melhorar e não repetir erros do passado.
    Não conheci o jeito antigo dos blogs, mexia mais no Orkut, escrevia web novelas hahahahaha

    Beijo

    ooutroladodaraposa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Eu não peguei essa época boa, mas sempre vejo comentários sobre como legal e etc. Confesso que senti nostalgia só de ler o post, mesmo eu não vivendo nessa época. Adorei.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Inês,

      Sim foram bons tempos. Mas como a Raissa disse, as coisas mudam e que bom. Eu acredito que maioria das coisas evoluíram para melhorar a vida do blogueiro e isso é ótimo para todos nós hehe Por outro lado, a nostalgia faz parte e sim, digo mais um vez, eram bons tempos!

      Dei um pulo no seu blog e gostei bastante. Estou adicionando na minha lista de leitura!

      Beijos

      Excluir

Postar um comentário