Canal da Sophie Kinsella

Qualquer leitor que conhece o PN desde 2015 sabe o quanto eu adoro a autora Sophie Kinsella. Agora em maio, a Editora Record lançou o Minha Vida (não tão) Perfeita. Mas foi através do anúncio de um novo livro, que será lançado em 2018, que eu fiquei sabendo da existência do canal dela.


Até agora a autora tem apenas quatro vídeos postados no YouTube. No entanto, já é possível ver que o seu bom humor não fica apenas nos livros. Em um deles, Sophie faz uma comparação entre espiões e escritores. E o primeiro vídeo foi uma tentativa da autora falar em italiano para agradecer aos fãs que ela encontrou em sua turnê pela Itália.
Surprise Me foi o foco do último vídeo. Ela disse que tinha acabo de terminar de escrever o livro e queria dividir essa alegria com a gente. A história é sobre um casal que ao se darem conta que terão muitos anos juntos pela frente decidem que precisam surpreender um ao outro todos dias (se eu não entendi errado). Mas como estamos falando de Sophie Kinsella é claro qu…

Irlanda: Valentine's Day (Parte III)

Depois de dois dias e dois posts, chegamos no último post desse final de semana maluco. Para conferir a parte I e parte II, clique nos links.

Eu e Tani curtindo o carnaval na praia!
Apesar de na noite anterior termos decido que iríamos morgar o domingo inteiro, depois das loucuras do Valentine's Day, por volta de meio-dia, eu e Tani não aguentávamos mais ficar em casa. E reorganizamos os planos para um encontro no centro de Dublin.


Conversa vai e conversa vem, escolhemos entrar no ônibus e ir para Wicklow atrás de outra prisão. Não falei que temos uma queda enorme por prisões? 

Levou cerca de uma hora e pouca para chegarmos em Wicklow e fomos direto procurar a prisão, pois já estava meio tarde para os padrões de horário de funcionamento das atrações em fevereiro. Chegamos lá, no que parecia uma mini torre e... Estava fechada.


Como não adiantava sentar e chorar, só para não perder o costume, resolvemos andar mais um pouquinho.

Eu nunca falei isso, mas a Tani sofre de um transtorno compulsivo por copos de cerveja que não estão a venda. Pois eis que estamos andando por Wicklow (que começava a garoar) e encontramos um copo de cerveja vazio numa praça vazia. Bem, sabe aquela história né? Achado não é roubado. Só sei que depois que a Tani colocou o copo na mochila e andamos uns três passos, um senhor saiu do bar que tinha na praça. Prefiro imaginar que ele não foi atrás do copo esquecido na praça.

Eu acho que essa era a praça, se não for, era algo bem parecido com isso.
Como era sábado de carnaval no Brasil, aproveitamos para tirar umas fotos na praia de Wicklow e mostrar para todos os nossos amiguinhos brasileiros que também estávamos curtindo o carnaval na praia, só estava meio chuvoso, frio e com nenhuma alma penada na rua. 

Quando fomos embora pegar o ônibus, ainda estava chovendo, e o motirista super troll, mesmo já estando ali parado, não deixou a gente entrar no ônibus. Procuramos abrigo numa loja de conveniência, e depois do trauma do Super Macs (ou compra ou vai embora), decidimos comprar algumas coisas só para não expulsarem a gente. O motorista troll só abriu a porcaria da porta cinco minutos antes do horário de partida.


Para fechar o nosso final de semana romântico, festa de Valentine's Day, passeio básico em Belfast e praia em Wicklow, decidimos ir no Pizza Hut do shopping em Drumdrum (Drumdrumá, como diria em irish da vozinha do LUAS).

Para fechar nosso Valentine's Day. 

E esse foi o final de semana mais louco da minha vida, nunca pensei que conseguiria andar tanto quanto andei nesse final de semana. Mas sinceramente, acho que não teria aguentado se não fosse a Tani. Nós duas nos apoiávamos a todo momento e toda hora que uma das duas fazia um piada idiota, dava uma revigorada. Realmente, foi um final de semana inesquecível e a consolidação de uma amizade para vida inteira! Tani, te amo, pronto falei!

Comentários

  1. Hum, será que já existe algum filme sobre um copo de cerveja mal-assombrado, "esquecido" numa praça? Cá entre nós, foi o copo que atraiu vocês pra Wicklow, Nina. O motorista do ônibus não era um trooll. Era apenas um sensitivo que percebeu as más vibrações do copo e quis ficar longe dele. Do resto da história, só quem ficou com o copo saberá. ;) Beijos!

    ResponderExcluir
  2. É, Dani, vejo que vocês curtiram mesmo esse carnaval na praia (mas eu prefiro sol e calor rsrs). Interessante a suspeita da Carla sobre o motorista, mas eu acho que ele, na verdade, tinha combinado uma comissão com o dono do Super Macs.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Tambem te amo Daniii amizade pra vida toda!!!
    é dani preciso entrar para o CPCA (compulsivos por copos anonimos) hahaha.... o motorista troll e eu te assustando com os bonecos de cera dentro patio da cadeia que dava pra ver pelo vao do portao hahaha...
    a carla explicou o motivo de que toda vez que eu ponho dinheiro no copo ele some hahah

    ResponderExcluir

Postar um comentário