Canal da Sophie Kinsella

Qualquer leitor que conhece o PN desde 2015 sabe o quanto eu adoro a autora Sophie Kinsella. Agora em maio, a Editora Record lançou o Minha Vida (não tão) Perfeita. Mas foi através do anúncio de um novo livro, que será lançado em 2018, que eu fiquei sabendo da existência do canal dela.


Até agora a autora tem apenas quatro vídeos postados no YouTube. No entanto, já é possível ver que o seu bom humor não fica apenas nos livros. Em um deles, Sophie faz uma comparação entre espiões e escritores. E o primeiro vídeo foi uma tentativa da autora falar em italiano para agradecer aos fãs que ela encontrou em sua turnê pela Itália.
Surprise Me foi o foco do último vídeo. Ela disse que tinha acabo de terminar de escrever o livro e queria dividir essa alegria com a gente. A história é sobre um casal que ao se darem conta que terão muitos anos juntos pela frente decidem que precisam surpreender um ao outro todos dias (se eu não entendi errado). Mas como estamos falando de Sophie Kinsella é claro qu…

Diário de uma (quase) caloura: Professores vs. Alunos

Aproveitando que essa semana tivemos o Dia do Professor, vou falar sobre essa figura tão importante em nossas vidas. E acho pertinente falar também da relação deles com nós, alunos.

Ao mestre, com carinho (1967)

Eu sempre tive muito respeito pelos professores, desde pequena. Além desse respeito gerar admiração, em boa parte da minha vida, gerou também o "medo". Por muito tempo, eu via os meus professores como figuras intocáveis. No ensino médio, principalmente, comecei a mudar um pouco essa minha visão de "temor". Eu continuava os respeitando por tudo que eles eram, mas o medo passou. 

Mudança de hábito 2 (1993)
O medo deu espaço para a incrível capacidade de compartilhar conhecimento. Quando você descobre isso e se permite entrar nessa relação amistosa com o seu professor, todo o conhecimento absorvido será em dobro.

Mas claro, quando entrei na faculdade, na minha primeira, o medo voltou a me impregnar. O ambiente acadêmico não parece tão "amistoso" assim no começo, e na realidade não é. Mas você logo aprende que existem professores e professores, assim como alunos.

Mentes perigosas (1995)
Eu não sei o que acontece nessa relação louca. Não acho que todo professor deva agradar todo mundo, mas não vejo porque criar um muro. As vezes, eu acho que existe uma bola de neve onde "professores desrespeitados desrespeitam alunos desrespeitosos". É louco isso. Cria-se uma rixa desnecessária. O professor assume o papel do vilão e os alunos de injustiçados. 


Uma dica de uma quase caloura para todos os alunos, seja de qualquer nível, é não ajude o seu professor a criar um muro entre vocês. Quando esse muro é criado, os dois têm dificuldade de enxergar o outro, entender as necessidades e a troca de conhecimento, que é a experiência mais válida nessa história toda, se perde. 

Feliz Dia dos professores! <3


Comentários

  1. Gostei do GIF do final hahahahaha

    Eu já fui professora por uma semana e desisti. Tenho profunda admiração porque quem consegue seguir a carreira e desenvolve bem o trabalho... (Sem enlouquecer) kkkk

    Amei o post. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Gostei do GIF do final hahahahaha

    Eu já fui professora por uma semana e desisti. Tenho profunda admiração porque quem consegue seguir a carreira e desenvolve bem o trabalho... (Sem enlouquecer) kkkk

    Amei o post. Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário