Domingo Literário: Tela Fria e vazia - André Kuhn

Senta que lá vem uma pequena-grande história. Quem nunca, em tempos de cyberespaço, se apaixonou através dessa tela?

No Domingo Literário de hoje temos mais um texto do André Kuhn, exclusivo para o Psicose. Aproveite!
Tela fria e vazia

Ele morava numa cidade. Ela noutra. Ele era alto, magro, loiro, olhos claros, romântico. Ela se descreveu com estatura mediana, morena, cabelo curto. E eram assim por fotos também. E se gostaram. Mas o que faz duas pessoas que moram longe continuarem uma conversa?
Ele, de sua casa, falava o quanto ela era boa para ele. Ela, do mesmo modo, achava que ele era o príncipe encantado. Seria perfeito, não fosse a distância. E assim nutriram um romance através da tela fria e vazia, mas que transportava sentimento.
Ele sabia que uma hora teria que se decidir. Ela já não suportava a ideia de não o ter. Ambos odiavam, em segredo, o dia em que se conheceram virtualmente. Ambos queriam voltar no tempo e poupar o sofrimento do convívio virtual. Eram duas vidas separadas.
Ele estava decidido. Rejeitou a chamada da amada, sem nenhuma explicação. Saiu.
Ela o procurou nos dias seguintes, sem sucesso. Ele não atendia, nem sequer retornava suas ligações e mensagens e, assim, trancou-se no quarto com a promessa de morrer de paixão.
Já fraca de tanto chorar e da noite sem dormir, ela ouviu a campainha. Desceu as escadas e abriu a porta. Recebeu o abraço esperado por tanto tempo. Eram, finalmente, um só.

Comentários

  1. Nossaaa!!! Que bonitinho!!! Amei o final.... Parabéns, André, pelo texto...

    livros terapias / Sorteio de Fim de ano

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito fofo né Laila. Adoro os textos do André e espero que ele continue mandando mais e mais textos lindos <3

      Beijos

      Excluir
    2. Muito fofo né Laila. Adoro os textos do André e espero que ele continue mandando mais e mais textos lindos <3

      Beijos

      Excluir
  2. Que lindo!!
    Eu nunca me envolvi em uma relação a distância, até porque imagino como deve ser difícil.
    Mas já ouvi relatos de casais que moravam em lugares diferentes, mas que se dava muito bem.

    Beijos
    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Relacionamentos virtuais sempre são umas coisas meio loucas né

      Na maioria o final não é tão feliz :/

      Beijos Raposinha

      Excluir
    2. Relacionamentos virtuais sempre são umas coisas meio loucas né

      Na maioria o final não é tão feliz :/

      Beijos Raposinha

      Excluir
  3. Oi Nina. Esse texto do André é muito lindo!!!!!!
    Super me identifiquei com a história, porque eu já vivi algo parecido. Só o final que foi diferente, rs
    Abraços.

    Minhas Impressões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu comentário, Maina. Vem mais por aí ;)

      Beijos

      Excluir
  4. Ah que fofo. Adorei o finalzinho e já tava apavorada que o conto tava acabando e não ia dar tempo de ser feliz pra sempre hahahaha

    >> Vida Complicada <<

    ResponderExcluir
  5. Oi Nina! Ameiiiii o texto rrsrsrrs... mesmo curto o final me surpreendeu pois eu não esperava um final feliz. Entendo perfeitamente os sentimentos das personagens. Adorei mesmo, parabéns ao autor e ao seu blog maravilhoso.
    Bjs...

    http://www.geopoetizando.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo seu comentário, Maina. Vem mais por aí ;)

      Beijos

      Excluir

Postar um comentário