Primeiro Turno: Como começar nos Jogos de Tabuleiro Modernos

Olá leitores! Hoje eu venho falar sobre um assunto de extrema importância, que pode fazer toda a diferença para uma pessoa amar ou odiar os jogos de tabuleiro, que nada mais é do que a nossa primeira impressão ao jogar um jogo, porque uma experiência ruim pode facilmente fazer alguém nunca mais querer olhar para uma caixa possivelmente cheia de mecânicas e histórias maravilhosas dentro dela.

Então como tirar esse preconceito de um jogo longo, monótono e massante, que não é legal nem para quem está ganhando (banco imobiliário, eu estou falando de você!), que já foi instaurado no imaginário de tanta gente que ainda não deu uma segunda chance ao hobby?





"A resposta para esta pergunta é fácil! Apresentar algo que a pessoa goste e se divirta!" Sim, de fato, mas... esta resposta é o mesmo que dizer que "meus problemas vão se resolver quando eu ficar rico." A solução é clara, mas está longe de ser fácil.

No consideravelmente pouco tempo que eu tenho dentro do hobby, definitivamente a pergunta mais recorrente que eu vejo é "sou novo, quero comprar algo, o que vocês me indicam?" E infelizmente o que eu mais vejo são respostas que eu, pessoalmente, considero erradas, ou extremamente precipitadas.

Outra coisa que eu vejo com bastante frequência é, pessoas que estão sugerindo confundirem bons jogos introdutórios com boas primeiras aquisições, apesar de serem extremamente próximos, são com certeza muito diferentes!

Por isso farei dois top 5 hoje! um sugerindo jogos para se começar, e outro sugerindo qual primeiro jogo se deve comprar. Listarei apenas jogos que já foram localizados no Brasil por empresas nacionais e que ainda se encontram em estoque!

TOP 5 JOGOS DE ENTRADA

5. Catan

Eu tentei, juro que tentei, mas não tem como eu mantê-lo fora desta lista, aqueles que leram o meu primeiro post, sabem o quanto este jogo é icônico e importante, e sim, é um excelente jogo de entrada, provavelmente o jogo que mais iniciou jogadores pelo mundo! Além de ser distribuído no Brasil pela grow, ou seja, você pode encontrá-lo em qualquer livraria consideravelmente grande, tornando-o extremamente popular. Na verdade, é provável que você o encontre na prateleira de uma pessoa que sequer está ciente dos jogos de tabuleiro modernos! Sabendo jogar Catan, você pode se sentir incluída em qualquer reunião ou grupo de pessoas do hobby! E acredite, sempre tem alguém disposta joga-lo!

4. Zombicide

Aqui entramos em um caso extremamente polêmico, Zombicide... odiado por uns, amado por outros. Pessoalmente não faz muito o meu gosto, mas uma coisa eu devo admitir, se você quer chamar a atenção de uma pessoa, seja ela um nerd, ou até mesmo alguém que gosta dessa temática mais Madrugada dos Mortos ou The Walking Dead, esse jogo é acerto crítico com direito a double damage para atrair quem curte temática de zumbi! Por eu achar ele muito monótono e repetitivo, ele acaba não entrando na minha lista de primeira aquisição, por acabar enjoando muito rápido e por ser extremamente caro também, mas se você quer convencer alguém a dar uma chance ao hobby, esse não falha nunca!!

3. Timeline

Simples, rápido e fácil! Você e seus oponentes vão construindo uma linha do tempo na mesa, com as cartas que vocês possuem nas mãos. Esse jogo serve para tirar o estigma de que jogos modernos são todos complexos, porque como dizem por aí, mais fácil que timeline, apenas zerinho ou um! Gosto muito dele como jogo de entrada, tanto que é o que costumo utilizar para apresentar a membros da minha família aqui em casa, mas não entra na minha lista por ser repetitivo e não chegar sequer a 45 minutos de jogo antes das pessoas se cansarem, mas ainda sim, meu "go to" de entrada pessoal!

2. Dix it

Às vezes quando eu coloco o Dix it em frente a um espelho, eu tenho quase certeza que eu o ouço sussurrando "espelho, espelho meu, existe algum jogo mais bonito do que eu?" Porque eu vou te dizer, ô jogo para ser bonito, viu?Possui uma mecânica abstrata, onde os jogadores tentam acertar a carta do narrador através de pistas nem um pouco claras. Ele nunca errou em uma mesa que eu tenha jogado, funciona bem desde crianças até idosos, sempre rola muita interação e boas risadas, além de ser indiscutivelmente uma obra de arte sem igual que atrai muitos olhares interessados!!

1. Ticket to Ride

Não apenas leve e bonito, ticket to ride já é considerado um novo clássico, este é o jogo que eu escolho para por na mesa quando estou com um grupo que ainda não experimentou nenhum jogo moderno. Você tem as cartas na sua mão que dizem quais são as rotas de trem que deve construir e vai acumulando vagões até fechar aquele caminho, que te dá pontos ao completa-lo.


TOP 5 JOGOS PARA PRIMEIRA COMPRA

5. King of Tokyo

Admito que este jogo não me agrada muito, mas ele definitivamente agrada a um grande público pela sua simplicidade e temática, onde os jogadores encorporam monstros gigantes que estão tentando tomar Tokyo para si, como um filme clássico do Godzilla! E para fazer isso você irá precisar rolar dados, muitos dados, e testar a sua sorte constantemente. Jogo bonito e divertido, onde tudo pode acontecer em um único turno, não é para mim, mas eu entendo o porque muita gente gosta!

4. 7 Wonders

Primeiro jogo que eu comprei para a minha coleção! Paguei caro na época e até hoje não possuo nem uma gota de arrependimento! Jogão! Esse jogo de cartas além de ser extremamente simples, possui uma interação sutil entre os jogadores que possuem o domínio de uma das cidades que construiu uma das 7 maravilhas do mundo antigo e as cartas que você vai baixar vão ajudar esta cidade a evoluir em obtenção de recursos, avanço tecnológico, construção de monumento e investimento militar, tudo muito bem balanceado e simples! amo amo amo amo! E provavelmente nunca sairá da minha coleção!

3. Dix it

Os motivos se repetem!

2. Ticket to Ride

Os motivos se repetem!

1. Small World

Escolhi este jogo para ficar em primeiro por tantos motivos que fica até difícil de enumerar! A história simples, misturada com os desenhos extremamente cartunescos e cativantes, misturados com uma temática forte, onde existem várias raças em um mundo extremamente pequeno, que simplesmente não é capaz de suportar todas elas e por isso, o jeito é eliminar uns aos outros por controle de área. Eu te garanto que esse jogo não passa despercebido em mesa alguma, com seu tabuleiro extremamente colorido e bonito!Esse é aquele jogo que quando uma pessoa pergunta "é tipo war?" você pode responder que siiiim! e finalmente despertar o interesse daquela pessoa! Pelo jogo combinar uma grande variedade de raças e classes diferentes aleatoriamente, você nunca verá uma partida igual a outra. Esse é definitivamente um dos jogos que mais vê mesa aqui em casa e um dos meus xodós pessoais! Recomendo para qualquer público!

Espero ter auxiliado as pessoas que estão querendo entrar para o hobby, dando algum norte de por onde começar, não se guiem apenas pelas coisas que eu disse, sempre deem uma procurada antes de comprar, como eu falei de forma muito sucinta sobre os jogos, com certeza teve muita coisa que não ficou clara. Mas estas dúvidas podem ser facilmente sanadas com uma pesquisa rápida pela internet, o que não faltam são vídeos e conteúdos de reviews sobre esses jogos! E em caso de alguma dúvida, sintam-se a vontade para me perguntarem nos comentários, que ficarei sempre feliz em responder!

Comentários

  1. Adorei a postagem, blackito!

    Fiquei surpresa em você colocar Zombicide (rs). Você explicou tudo muito bem e de maneira bem simples.

    :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha gostado!
      Fiquei receoso de ter ficado muito grande! =S

      Excluir
    2. Eu tbm hahah
      Quando peguei o link para deixar programado para por no face, fiquei holy shit que bagulho enorme e vi que ainda faltava coisa para você escrever hahaha
      Mas lendo agora, você escreveu de uma maneira bem fluida e li com gosto :)

      Excluir
  2. Adoreeeei!!!
    Quero todos!!! <3
    Você esqueceu de colocar Carcassoneeeeee uahuahauhauahuahua
    Zombicide é muito legal :D :D

    ResponderExcluir

Postar um comentário