A louca da papelaria: continua

Eu falei que eu voltava com mais, não falei? Demorou um pouquinho mais do que eu planejava desde o último post sobre papelaria. Como você já pode começar vendo, eu comprei DUAS cadernetinhas iguais, porém, com capas diferentes (claro). Essa segunda tema temática mustache (bigodes) e Londres, lembrei muito de duas amigas queridas que cortem essas coisinhas: a Clara (nossa colaboradora) e a Isa.  



Agora prepara o coraçãozinho. Quando fui para Irlanda, eu investi numa das canetas mais legais que já vi na vida. Ela é da marca PILOT e ponta dela é de caneta tinteiro!! A vantagem dela é que ela não é cara, que nem aquelas canetas pesadas de metal, e vem com a tinta embutida. Eu tenho uma "pena" que precisa usar tinteiro e é muuuuito difícil regular a quantidade de tinta (ou eu que não sei mesmo). Já essa não! Ela é super prática, leve e (não lembro o preço, mas é...) barata, porque acabei comprando duas, em caso de nunca mais encontrar esse modelo na vida (ahaha a loka). 



Faz um tempinho também que fiquei pesquisando canetinhas novas. Eu queria muito aquelas caneta de aquarela e uma outras mega cara que eu não tenho dinheiro nem para ficar namorando (talvez eu tenha namorado algumas coisas numa espécie de romance proibido). Então, acabei comprando essas canetas hidrográficas da BIC com 10 cores. A ponta dela é molinha em comparação com as hidrográficas da minha infância e mais populares. Eu não lembro quanto paguei na Kalunga aqui pertinho de casa, mas na internet está por 22,00 reais.


Assim, ela não é nenhuma Brastemp (entrego minha idade fazendo essas piadas, né?), mas funciona bem para o dia a dia e para quem não pretensão de fazer nada muito profissional. A ponta pincel ajuda a cobrir mais rápido espaços grandes, mas ela pode manchar atrás em papéis mais finos e a cobertura não fica tão uniforme - fica aparecendo os traços. Mas pelo preço, é aquilo que te falei, vale a pena para brincar um pouquinho.

Por favor, divida suas loucuras de papelaria comigo para eu me sentir mais normal! Ah! E clicando nas fotos você consegue ampliar para ver os detalhes mais de pertinho.

Comentários

  1. Oi, Nina!
    No meu intercâmbio, investi em canetas coloridas também. Acho que, de cada cor, devo ter umas duas canetas no mínimo.
    Babei nessa sua caneta tinteiro. Infelizmente não ia dar certo pra mim porque eu sempre me sujo toda quando uso caneta. Minha mão fica toda suja de tinta, pior que criança hahhaha
    Beijos
    Balaio de Babados
    Concorra ao livro Depois do Fim autografado

    ResponderExcluir
  2. Aaah, Nina querida, eu sou A LOKA MUITO LOKA da papelaria!
    Hahahaha
    Esses dias fiz um post sobre os 2837475040302 bloquinhos e caderninhos que tenho.
    Eu não sei se fico mais surtada numa papelaria ou numa livraria. Se for as duas em uma então ferrou, hahaha.
    Ameeeeeeeeei o caderninho de bigode londrino.
    <3
    E essa caneta?
    Maravilinda!
    Você não é tão normal - nem eu -, mas quem disse que normalidade é legal, né?
    :P

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  3. AMO NÉ!
    Kalunga, eu entro no site todo dia, não vou mentir. Sem falar nas lojas ching ling.
    Cara! Que caneta tinteiro é essa que já vou vasculhar a internet à procura?
    Olhe, cadernetas eu fiz promessas pra não comprar, porque não uso todas, inclusive cadernos pequenos também, tá difícil, mas tá indo.

    http://rascunhosehistorias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário