Você já participou de um Clube do livro?

Desde os 10 anos, criei o hábito de leitura. Apesar da minha preguiça inerente à minha existência, gostava de criar novos mundos, imaginar lugares e aventuras, então ler muitas vezes era prazeroso pra mim (inclusive, era uma forma de me esconder em um lugar onde poucos me encontrariam).


Mas ao entrar na faculdade, depois na chamada "vida adulta", tinha reduzido drasticamente meu hábito de leitura para... bem. Conversas de whatsapp contam?


Enfim, há alguns anos, eu retomei aos poucos a leitura pelo celular mesmo. Afinal de contas, se você não pode combater o inimigo, junte-se a ele. Aplicativos como o Wattpad, o Sweek, e-books encontrados na Amazon, todos se tornaram companheiros de vida adulta, principalmente de transporte público. Mas algo ainda faltava.

No ano passado (junho de 2017), conversando com minha família, nos demos conta de que esse era um mal comum a todos. Parecia que não havia mais tempo, ou talvez até mesmo interesse em ler. Mas todos discordaram deste argumento, interesse certamente tinha. Então... o que faltava? Incentivo? Companhia? Alguém com quem trocar ideias e opiniões?

Diante de todas essas sugestões, decidimos: Vamos começar um Clube do livro!

Eu, particularmente, sempre achei que Clubes do livros eram grupos formais, ou muito organizados e regrados. Sempre via fotos que nossas colaboradoras compartilhavam dos encontros do Clube do livro da Saraiva e pensava o quão cheio, profissional, estruturado parecia.  Que não era de uma hora para outra que criaríamos um.

Porém, vivendo na prática, descobri que foram exatamente nossos questionamentos que nos levaram a criar e manter o Clube no último ano.


E nós temos uma metodologia de escolhas e encontros leve e tranquila. Uma vez por mês, nos reunimos para encontrar, tomar um café e comentar sobre o livro sugerido no último encontro. Se não teve oportunidade ou interesse de ler, tudo bem! A presença é sempre bem vinda. A conversa é livre, pode ser sobre a gramática, construção do personagem, temas relacionados ao cotidiano... o que vier em mente. E ao final, ouvimos as sugestões para o mês seguinte e fazemos uma votação para decidir.

Desde então, meu hábito de leitura retornou com muito ânimo! Estou sempre lendo dois livros (pelo menos rs): o livro do mês do Clube e um livro de interesse pessoal. E muitas vezes, ajudam a relaxar e descansar dos problemas do dia a dia. E os títulos e gêneros são os mais variados. De Jane Austen a Douglas Adams, passando por Machado de Assis e Francisco Azevedo, com ficção científica, retrato autobiográfico, clássicos da literatura, livros desconhecidos.... uma oportunidade de ouro de conhecer novas histórias e autores e revisitar alguns velhos conhecidos.

Portanto, se alguma vez tiver vontade, tente começar um Clube! Convide amigos que gostam de ler, familiares, de diversas idades e círculos sociais, pois isso enriquece o diálogo.
E querendo conhecer o Clube do livro que eu participo, é só me perguntar.

Comentários

  1. Ainda não participei, mas estou reunindo pessoas para montar um aqui na minha cidade :)

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário